Inferno-coverAutor: Dan Brown

480 Páginas

Este livro é muito interessante mas apenas depois de ser lido duas vezes é que se consegue perceber a história. O nosso herói Robert Langdon acordo no hospital e os médicos dizem que ele levou um tiro na cabeça. Robert sobre de amnésia temporária e como tal não se lembra de nada do que aconteceu nas últimas 24 horas.

O hospital onde está internado é invadido por uma agente chamada Vayentha que mata um dos médicos e Landgon é ajudado a fugir para a casa de uma das médicas chamada Sienna. Essa médica tem um QI de 208 pontos e como tal tem inteligência para saber como os tirar daquela situação.

O enrredo do livro foca-se na procura de um homem chamado Zobrist que cria um vírus mortífero que planeia infetar o mundo inteiro com ele. Como a Organização Mundial de saúde está sempre de olhos nele, Zobrist recorre a uma agência obscura com serviços diversos, feitos a partir de um iate em alto mar, ou seja, fora de qualquer lei, Zobrist consegue desaparecer por um ano, o tempo que demorou a completar o vírus.

O livro tem como habitualmente pormenorizadas descrições sobre história, lugares, personagens históricas e ainda muito mais.

Não vou revelar tudo neste post senão estrago a melhor parte do livro. A verdade do livro não o vou dizer, vou deixar isso para você o leitor desvendar por si mesmo.

Posso apenas dizer que o tema principal do livro é um dos problemas que assombra a nossa civilização, o excesso de população (segundo o livro). Com a explosão de cidadãos no mundo, especialmente em países em vias de desenvolvimento, não existe recursos naturais para todos, como água, comida, energia etc. Dan Brown diz que a população devia de diminuir em 1/3 para voltarmos á idade da iluminação como aconteceu depois da Idade das Trevas e da Peste Negra. Para isso fala sobre um vírus capaz de reduzir a população actual, mas isso já seria falar demais.

Recomendo a sua leitura!

Veja o livro na Amazon:

Inferno

Advertisements